Estive em Curitiba no último dia 21 e como a mãe não come nenhum tipo de carne tive um fim-de-semana bem vegetariano, sem direito nem a um peixinho. Ruim? Que nada. Comi muito bem. Primeiro no Mikado, um restaurante japonês, simples e gostoso, que serve peixe e frango, mas nada misturado, lá no fim do buffet que tem uns filezinhos. Como tinha tanta coisa diferente e com uma cara boa, não comi as carnes. No outro dia fomos para a Feirinha do Largo da Ordem e o almoço acabou sendo o Pierog com recheio de ricota. Nessa hora você se pergunta: e daí José?
E daí que este post é justamente para esclarecer algumas coisas sobre vegetarianismo, como por exemplo, que um vegetariano não tende a transformar-se em um pé de alface como o cara da foto e muito menos come só alface. Quando alguém diz isso (e as vezes falam sério!) tenho a impressão que esta pessoa não sabe nem o que come, afinal, arroz e feijão estão no grupo dos vegetais.
Uma das coisas mais irritantes que pode existir é a típica pergunta: “mas por que você não come carne?”. Você responde o que quiser. Pode dar um discurso sobre os direitos dos animais, sobre a purificação do espírito, sobre a Madonna, sei lá. Mas eu garanto que em 99% dos casos, a pessoa questionada tem vontade de mandar o outro catar coco e empilhar na descida. Você não come carne simplesmente porque é seu direito optar por não comer carne. É você quem paga, é você quem come, e você que vai ao banheiro depois. Então, porque uma semi-vegetariana como eu, um ovo-lacto-vegetariano ou um vegetariano mesmo tem que dar satisfações do que e por que come? Ao mesmo tempo, ninguém se pergunta o por que de tanto consumo de carne e pior, como são tratados os animais antes de serem abatidos. Simplesmente consomem sem questionar o que ingerem. Agora você já sabe: antes de fazer esta perguntinha para um vegetariano de qualquer tipo, pense no que VOCÊ come e no quanto você está irritando uma pessoa inutilmente.
Outra frase que mostra o quanto as pessoas desconhecem o vegetarianismo, é a tal de “fulano ou fulana só come alface (ou mato).Não, vegetariano come tudo o que não tem carne. E lembre que na categoria “carne” também enquadram-se salsichas, salames, bacon,miúdos,linguiças.E na categoria “sem carne”, existe arroz, feijão, queijos, massas, frutas, leguminosas, chocolates…claro que para quem não é ovo-lacto-vegetariano é uma dieta mais restrita, mas nem por isso menos saborosa. Você já experimentou deixar seus preconceitos de lado e almoçar em um restaurante vegetariano? Pois um dia desses, sem lenço e sem documento mas com o suficiente para pagar a conta, vá. Depois vc me conta o que achou.
Não estou escrevendo isso para que todas as pessoas do mundo parem de comer carne. Estou escrevendo para que o vegetariano deixe de ser um bicho de sete cabeças e não precise passar por situações esdrúxulas por causa da sua opção. Em um churrasco, lembre-se que uma salada de batata sem salsicha,ou um pão com alho assado na brasa já são suficientes. Meu objetivo neste texto é o seguinte:

NÃO ENCHA O SACO DO VEGETARIANO! É ELE QUE PAGA, É ELE QUE COME, É ELE QUE VAI AO BANHEIRO! (e muitas vezes é ele que limpa o banheiro também).

Anúncios