Este cãozinho da foto acima foi objeto de uma obra de artena Costa Rica. O artista Guillermo “Habacuc” Vargas utilizou-se de um guaypeca faminto para fazer a sua instalação artística, que consistia em manter o cão preso a uma corda curta, sem água e sem comida.O cão acabou morrendo de fome e sede.Segundo o artista “(…) o que me importa é a hipocrisia das pessoas. Um animal assim vira o centro das atenções quando está em um local onde as pessoas querem ver arte, mas ninguém ligaria se ele estivesse passando fome nas ruas,” .
Sinceramente, tentei escrever um post sobre o assunto mas não consegui, me embrulha o estomago só de pensar. E como se não bastasse, o senhor HabaCUc, que neste blog será carinhosamente chamado de CU, foi escolhido para representar o seu país na “Bienal Centroamericana Honduras 2008”.
Também ficou indignado?Assine a petição on-line aqui

Anúncios